Geraldo Magela de Oliveira

Contato

O Antissemitismo é corrosivo à humanidade - Crônicas do Oliver

Crônicas do Oliver

O Antissemitismo é corrosivo à humanidade.

Olá,

Infelizmente hoje quero falar de algo que muito me tem entristecido. Há poucos dias uma Sinagoga em Pittisburg nos EUA, veio a confirmar aquilo que já há algum tempo temos falado. A intolerância está tomando conta das pessoas. Onze mortos pelo simples motivo de serem Judeus. É de um absurdo total em pleno Sec. 21, um homem entrar em um local de adoração pelo simples prazer de querer matar judeus. E infelizmente, não é somente por radicais que isto tem acontecido. Há tempos tenho visto muitos comentários de cunho antissemita na internet, nas redes sociais e infelizmente alguns desses comentários, são publicados por pastores e líderes religiosos cristãos. Falar de judeus e matar virou moda. Há muitos anos o povo judeu lida com o preconceito, descaso e perseguição. Já sofreu perseguições de governos, de povos inimigos e até mesmo da igreja católica. Infelizmente, a falta de conhecimento nos leva a ter comportamentos que não são dignos de ser expostos. Falar mal de alguém é como falar mal de nós mesmos. Quem somos nós para nos alçar no status de julgador. Durante milhares de anos a ignorância pode nos ter levado à estas perseguições. Porém, nos dias de hoje, com tamanha informação que temos disponível, é vergonhoso ainda termos este tipo de comportamento. Falo isto, porque o que mais me entristece é o comportamento dos cristãos. Algumas comunidades tem usado o judaísmo para crescimento. Outras para enriquecimento. E infelizmente aquilo que me trás a este tema. Li um comentário de um pastor a dizer que as igrejas que usam o judaísmo estão concordando com aqueles que em tese mataram Jesus. Ora, na Bíblia que leio, Jesus ou Ieshua, se entregou. Ele não foi assassinado, pelo contrário se deu em morte de cruz para a salvação de todos. E o pastor ainda disse que aqueles que seguem o judaísmo, são apóstatas da verdadeira fé. Em minha ignorância, creio eu que Ieshua ou Jesus, não era Cristão. Pelo pouco que sei ele era Judeu e, portanto, praticante do judaísmo. Se então um pastor que diz ser seguidor de Jesus fala mal do judaísmo e dos judeus, penso eu está falando mal de si mesmo. Pois, se Jesus pregava pelo exemplo e praticava o judaísmo, então ele era judeu. Então, como falar mal de judeus. A desculpa é de que eles não aceitam Jesus ou Ieshua como Messias. Mas, é falando mal deles que vamos alcança-los com a revelação que temos? Infelizmente estamos rodeados de um bando de hipócritas e líderes que, como macacos sentam em cima de seu próprio rabo e não tendo algo de bom para falar, soltam a língua ferina para atacar quem não se preocupa com ele. Deveríamos mais é nos colocar diante de D'us e perguntar a Ele até onde este mundo vai chegar com este comportamento e buscarmos uma forma de melhorá-lo. Deixar o nosso orgulho e hipocrisia de lado e sermos somente aquilo para o qual fomos chamados. Devemos hoje sim é nos colocar na brecha em oração por este povo que merece e necessita do nosso amor. Não um amor qualquer, mas o verdadeiro amor. Basta de perseguição. Basta de sofrimento. Hoje é dia de dizer a todos os povos que todos merecem o nosso amor e nosso respeito, principalmente os judeus.

Juntos contra o antissemitismo será nossa bandeira.

Fomos chamados para ser servos do Altíssimo e como tal façamos a nossa parte.

Na certeza de que a Palavra de D'us é o bastante.